Esporte

Atacantes seguem com situação indefinida no Vasco para 2017; veja quem pode sair ou ficar

O Vasco segue reformulando o elenco para 2017. Vários jogadores estão sendo analisados pela comissão técnica e poderão ser liberados nos próximos dias.

Os atacantes Jorge Henrique, Júnior Dutra e Ederson (foto) dificilmente seguirão em São Januário porque não agradam ao técnico Cristóvão Borges. Como tem contrato de maior duração, Jorge Henrique deve ser emprestado, enquanto Dutra e Ederson deverão deixar o clube, seguindo o caminho de Leandrão, que não voltará em 2017.

Thalles, Eder Luis e Caio Monteiro são os únicos atacantes que estão garantidos para 2017.

Em relação a reforços, a diretoria gostaria muito de ter Riascos novamente. O atacante colombiano conseguiu uma liminar que permite que ele assine com qualquer outro clube e quer retornar ao Vasco, clube onde se destacou no futebol brasileiro, mas a direção cruz-maltina teme que o Cruzeiro, dono dos direitos econômicos do jogador, reverta a situação na justiça e cause prejuízos futuros ao clube carioca.

Por isso, Riascos só será contratado se o departamento jurídico der o seu aval.

O meia Nenê, jogador mais valorizado da equipe, deve prosseguir em São Januário. Gilvan Costa, empresário do jogador, revelou que ele deve continuar no Vasco em 2017 e que não recebeu nenhuma proposta do São Paulo, como divulgado por alguns veículos de comunicação.

Permanência no Vasco

O zagueiro Luan participou de um jogo beneficente neste domingo na cidade de Fundão, no Espírito Santo, e garantiu que vai continuar no Vasco na próxima temporada, apesar das especulações que rondaram seu nome ao final do Campeonato Brasileiro, quando alguns clubes manifestaram interesse no jogador, revelado nas divisões de base do clube.

Luan afirmou ter contrato até o final de 2019 e tem total interesse em continuar vestindo a camisa do seu time de coração. O zagueiro disse que seus representantes não receberam qualquer proposta oficial de outras equipes e que pretende se reapresentar normalmente para iniciar o trabalho em 2017.

Em entrevista publicada pelo site NetVasco, Luan analisou a temporada e disse que o ano começou bem com a conquista do título carioca invicto, além de ressaltar o título olímpico. Ele lamentou os problemas enfrentados pela equipe no final da temporada, mas disse que o objetivo foi alcançado e o Vasco voltou à divisão de elite do futebol brasileiro.

“Sei que não foi da maneira que nós esperávamos e do jeito que o torcedor esperava. O importante é que deu tudo certo e o Vasco está de volta”, comemorou.

Fonte: UOL

west_banner_site
Clique para Comentar

Deixe uma Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Mais Acessadas

To Top